O que sente ao ler este post?

O que é característico da modernidade não é uma adopção do novo só por ser novo, mas a presunção da reflexividade generalizada que inclui, evidentemente, a reflexão sobre a natureza da própria reflexão. Anthony Giddens (1996). As Consequências da Modernidade. Oeiras: Celta Editora. * Também poderá estar interessado em ler: A construção das subjectividades O […]

Dos dias da rádio à rádio fragmentada

Há anos atrás fomos brindados com diversos filmes que evocavam a nostalgia da rádio. A música dos anos 50 e 60 confirmava a irreversibilidade de um tempo que passou e nunca mais poderá regressar. Os dias da rádio. Uma outra imagem, esta bem portuguesa, ficou-nos guardada na retina: António José da Silva no filme O […]