A palavra de honra: ditos e por dizer…

fantocheDeclara nas rádios, em tom acusador, um dirigente partidário: «foi uma quebra grave da palavra de honra.» Ao que pretendeu dizer, soma-se ainda o não dito – revelador – há quebras pouco graves da palavra?

*

Também poderá estar interessado em ler:

Vinho e crédito ao consumo

Laocoonte ou a maldição do saber

Terrorismo e ordem política

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s